4º SIMPÓSIO WETLANDS CONSTRUÍDOS

De 31 de julho a 2 de agosto de 2019, a Escola de Engenharia da UFMG, em parceria com a ABES-MG, realizará em Belo Horizonte o 4º Simpósio Brasileiro sobre Wetlands Construídos.

A programação do simpósio, que é bianual, conta com palestras, apresentação de trabalhos e vista técnica. O objetivo é intensificar a troca de experiências sobre os Sistemas Wetlands Construídos Aplicados ao Tratamento de Águas Residuárias no Brasil.

A visita técnica será realizada no Centro de Pesquisa e Treinamento em Saneamento (CePTS) da UFMG, localizado junto à Estação de Tratamento de Esgotos do ribeirão Arrudas, em Belo Horizonte. O CePTS é um dos mais importantes centros de pesquisa da América Latina e possui parceria com a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (COPASA). Possui vários sistemas de tratamento de esgotos em escala de demonstração, com populações entre 50 a 700 habitantes, incluindo reatores UASB, filtros biológicos percoladores, lagoas de estabilização e wetlands construídos, de escoamento vertical (100 hab.) e horizontal (50 hab.)

Inscrições abertas

Em 2011, durante o 26º Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental da ABES, em Porto Alegre, formou-se o grupo de estudos denominado Wetlands Brasil. Esta iniciativa contou com a participação de várias universidades e instituições brasileiras que estudam e aplicam a tecnologia no país. Em 2013, o grupo organizou o primeiro simpósio na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em Florianópolis. Em 2015, o 2º Simpósio foi sediado na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) em Curitiba. Em 2017, o 3° evento ocorreu na Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), na cidade de Campo Grande/MS. E agora, o 4º Simpósio Brasileiro sobre Wetlands Construídos será na Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG. 

4º Simpósio Brasileiro sobre Wetlands Construídos

simpósio brasileiro wetlands

 

Notícias