Protesto agita reunião do Conselho Estadual de Recursos Hídricos


A 68ª reunião do Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CERH), realizada nesta terça-feira, 22 , foi marcada pela apresentação do Índice de Qualidade das Águas de Minas Gerais (IQA) 2010, pelo anúncio do Plano Estadual de Recursos Hídricos e por manifestações de ativistas que lutam contra a atividade minerária e pela criação do Parque da Serra do Gandarela.
Durante a abertura, o secretário de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) e presidente do CERH-MG, Adriano Magalhães Chaves, aproveitou para comentar as mudanças que estão ocorrendo na reestruturação do Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sisema) e o esforço para fazer com que os funcionários do Instituto Estadual de Florestas (IEF), Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam) e Fundação Estadual do Meio Ambiente (Feam) assimilem o novo modelo
Magalhães contou que nos encontros vem detalhando como será o funcionamento da Semad após a criação das subsecretarias de Gestão e Regularização Ambiental, de Inovação e Logística e de Controle e Fiscalização Integrada. Essa última, reunindo todos os aspectos da fiscalização em Minas, função que antes era executada por diretorias específicas inseridas na estrutura da Feam, do IEF e do Igam. Outro aspecto abordado é foi o da proposta de criação do novo órgão que reunirá Feam, IEF e Igam. Magalhães observa que todos os servidores podem e devem participar das mudanças e que o projeto será enviado em breve à Assembleia Legislativa. 

Mapa

Durante a reunião do CERH, a gerente de Monitoramento e Geoprocessamento do Igam, Zenilde das Graças Viola, apresentou os números de 2010 do Índice de Qualidade da Água (IQA), indicador que avalia a contaminação dos corpos hídricos em decorrência de matéria orgânica e fecal, sólidos e nutrientes. De acordo com ela, os números de 2010 apresentaram melhoras em relação aos de 2009.Segundo ela, predominou no estado o IQA classificado como Médio, que aumentou de 51,4% para 55,4%. O IQA considerado Bom permaneceu estável, com 21,2% enquanto a análise das amostras coletadas em 401 pontos da rede básica mostrou que o IQA considerado Ruim diminuiu 4% ,passando de 26,1% para 22,1%. "As melhores condições de qualidade da água em 2010 foram verificadas nas bacias dos rios Itanhém, Jequitinhonha, Doce e Pardo, que apresentaram as maiores ocorrências de água de boa qualidade", explicou.
Antes do término da apresentação sobre o Mapa de Qualidade das Águas, um grupo de manifestantes do Movimento pela Preservação da Serra da Gandarela invadiu a sala de reuniões entoando palavras de ordem, exibindo faixas e cartazes e enchendo os copos que estavam sobre a mesa com água suja de minério. Após a performance do grupo, seu representante, Gustavo Tostes Gazzinelli ,pediu ao Secretário de Meio Ambiente que dê mais atenção ao assunto e não adie mais a data para receber os representantes e discutir a proposta de criação do Parque da Serra da Gandarela.

Notícias