Minas abre inscrições para a Conferência das Cidades

Gestores municipais, representantes dos poderes estaduais, de instituições da sociedade civil, de movimentos populares, entidades estaduais, sindicais, profissionais, acadêmicas e de pesquisas, além de organizações não governamentais, têm prazo até dia 30 de agosto para se inscreverem na 5ª Conferência das Cidades de Minas Gerais, prevista para o período de 20 e 22 de setembro, em Jaboticatubas, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

As inscrições dos delegados eleitos em conferências municipais devem ser feitas através do site da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional e Política Urbana (Sedru), responsável pela organização do evento (www.urbano.mg.gov.br).

Criada pelo Ministério das Cidades para consolidar a parceria entre os governos e a sociedade civil e construir um modelo de política urbana com a participação efetiva dos municípios, a conferência vai identificar os problemas enfrentados pelas microrregiões no crescimento urbano e elaborar propostas para a diminuição das desigualdades sociais e o desenvolvimento sustentável dos municípios.

A conferência ocorre com intervalos de dois ou três anos, quando também são eleitos os membros do Conselho Estadual de Desenvolvimento Regional e Política Urbana (Conedru).

A conferência estadual terá como tema central “Desenvolvimento Urbano e Integração Regional das Cidades de Minas Gerais”. Um dos focos do evento será o debate para implantação do Sistema Nacional de Desenvolvimento Urbano (SNDU), que integra e define os papéis dos governos federal, estadual e municipal em políticas de moradia digna, mobilidade, saneamento e planejamento urbano.

As conclusões serão levadas à 5ª Conferência Nacional das Cidades, de 20 a 24 de novembro, em Brasília, com o tema “Quem muda a cidade somos nós: reforma urbana já”.

Entre os objetivos específicos da conferência estadual se destacam a interlocução entre autoridades e gestores públicos com os diversos segmentos da sociedade sobre as políticas de desenvolvimento urbano, a mobilização da sociedade para agendas, metas, diretrizes e planos de ação para o Estado, as regiões e as cidades, além da participação popular na formulação de proposições.

Mais informações sobre o encontro podem ser obtidas no Conedru, pelo telefone (31) 3916-8555/9006.

 

 

Notícias