MMA promove debate sobre PPCS

O Ministério do Meio Ambiente (MMA) e o Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS) promoveram nesta quarta-feira (3/11) no Rio de Janeiro um diálogo setorial com líderes empresariais, governo, sociedade civil e ONG's. O encontro, realizado no auditório da Fecomércio-RJ, dedicou-se a debater e enriquecer o Plano de Ação para a Produção e Consumo Sustentáveis (PPCS), que está em consulta pública no site do Ministério do Meio Ambiente (MMA). "Apesar de estarmos num momento de transição no governo, foi reafirmada a intenção de deixar registrado ainda este ano o PPCS, que é 'casado' com o Plano Nacional de Resíduos Sólidos", afirmou Samyra Crespo, secretária de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental do MMA.


O CEBDS participou do Comitê Gestor Nacional que elaborou o Plano. De acordo com Marina Grossi, presidente-executiva do CEBDS, "queremos destacar o aspecto inovador do Plano, como por exemplo no que se refere ao varejo", afirmou. O CEBDS está à frente de duas das seis prioridades listadas no documento: varejo e construção sustentável.

Também participaram do debate Daniela de Fiori, do Walmart; Fabiano Lima, da Philips; e Eduardo Ramos, da Holcim.

Conheça mais sobre o PPCS


O Plano de Ação para a Produção e Consumo Sustentáveis é um conjunto de ações articuladas do governo, do setor privado e da sociedade civil com o objetivo de promover a adoção de padrões de produção e consumo mais sustentáveis. A duração prevista do primeiro ciclo será até 2013.


O PPCS foi elaborado em harmonia com as Políticas Nacionais de Mudança do Clima e de Resíduos Sólidos recentemente aprovadas pelo Congresso e sancionadas pelo presidente Lula. É constituído por seis prioridades selecionadas para o primeiro ciclo (2011-2013): educação para o consumo sustentável, construções sustentáveis, agenda ambiental na administração pública (A3P), varejo e consumo sustentáveis, compras públicas sustentáveis e aumento da reciclagem de resíduos sólidos.


O Plano está sob consulta Pública até dia 11 de novembro, mas poderá ser prorrogado por mais 15 dias. Para conhecer o Plano e mais informações sobre contribuições, acesse www.mma.gov.br/ppcs.

 

Abes-MG - Assessoria de Comunicação, com MMA

Notícias