Documento da Rio+20 está aberto a consultas

Os líderes mundiais que se reunirão no Rio de Janeiro, em junho, para a Conferência de Desenvolvimento Sustentável da ONU (RIO+20) deverão negociar um novo documento focado em dois temas: Economia verde dentro do contexto do desenvolvimento sustentável e da erradicação da pobreza e Estrutura institucional para o desenvolvimento sustentável.

A primeira versão do documento de intenções que será negociado durante o evento foi publicada no site da RIO+20 (http://www.rio20.info/2012/) no último dia 10 e contem 128 tópicos com princípios,
reconhecimentos e compromissos a serem assumidos pelos participantes do evento. O acesso ao documento está aberto a todos.

O que se espera agora é que o convite feito aos dirigentes de diversos países seja aceito por
seus principais representantes, presidentes e primeiros ministros, e que eles assumam em suas agendas os compromissos relacionados a alimentação, energia, recursos hídricos e consumismo. Apesar do conjunto ambicioso de medidas, o tratado não terá força de lei para obrigar os países a cumprirem suas promessas. Cada governo ficará livre para criar suas próprias metas.

Tradução não oficial do documento.

Notícias