O livro "Expedição Mucuri"é lançado em Belo Horizonte

O livro "Expedição Mucuri" foi lançado em Belo Horizonte, nesta segunda-feira, 6 de junho, no auditório da Cidade Administrativa de Minas Gerais, em comemoração a semana do meio ambiente. A publicação de 412 páginas traz mapas, gráficos e fotografias e foi produzido pelo Movimento Pró Rio Todos os Santos e Mucuri, com apoio dos Sistemas Estaduais de Meio Ambiente de Minas Gerais e da Bahia e todos os municípios da Bacia Hidrográfica do Mucuri.

Segundo a organizadora da obra Alice Lorentz Godinho, o objetivo da expedição foi conhecer cada município da bacia hidrográfica, seus valores naturais e culturais, mobilizar a sociedade local para ser parceira na construção do desenvolvimento sustentável da região e discutir e incentivar a criação do Comitê da Bacia Hidrográfica. A Expedição Mucuri percorreu durante dezessete dias, os 321 quilômetros de extensão do rio principal, seis afluentes e os 17 municípios da bacia.

A viagem exploratória teve início no município de Águas Formosas, a 615 quilômetros de Belo Horizonte, por onde passa um dos principais afluentes do rio Mucuri, o Pampã. Em seguida, outro grupo saiu da nascente do rio Mucuri do Sul, no município de Malacacheta. Depois, uma terceira equipe iniciou a viagem pela nascente do rio Mucuri do Norte, no município de Ladainha.

Durante a expedição as equipes percorreram o rio em barcos e caiaques, outras, viajando por terra, utilizaram veículos e, em alguns trechos, bicicletas e cavalos. Os grupos foram responsáveis pelo levantamento da qualidade e vazão da água; da degradação ambiental; da conservação dos biomas, das formações geológicas e dos principais afluentes. As características socioambientais, econômicas, históricas e culturais das comunidades foram avaliadas em reuniões e entrevistas, na busca de entender não os dados estatísticos ou as teses acadêmicas sobre a região, mas sim a percepção dos vários grupos sociais: como a população se identifica e até onde tem conhecimento da sua história, de sua cultura e qual a sua identidade geográfica com o Vale do Mucuri.

Fizeram parte do roteiro os municípios de Águas Formosas, Caraí, Carlos Chagas, Catuji, Crisólita, Fronteira dos Vales, Itaipé, Ladainha, Malachacheta, Nanuque, Novo Oriente de Minas, Pavão, Poté, Serra dos Aimorés, Teófilo Otoni, Umburatiba, todos em Minas Gerais e Mucuri na Bahia. A viagem foi concluída no dia 07 de outubro de 2007, mas a partir daí, uma interação continuada, por quase dois anos, em todos os municípios da Bacia Hidrográfica do Mucuri, foram essenciais à publicação do livro "Expedição Mucuri".

7-6-2011