Portal Saneamento Básico participa da cerimônia de posse da Nova Diretoria Nacional da ABES



O Portal Saneamento Básico esteve presente na cerimônia de posse da Nova Diretoria Nacional da ABES em São Paulo, confira detalhes do evento:

 

Por Ana Paula Rogers

 

A Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental – ABES promoveu, nesta terça-feira, dia 26 de julho, em São Paulo, no espaço Estação São Paulo, a cerimônia de posse da Diretoria Nacional para o biênio 2016/18.

 

O evento foi prestigiado por diversas autoridades do setor de saneamento e meio ambiente, entre outros, como o Secretário Nacional de Saneamento, Alceu Segamarchi Jr., representando o Ministro das Cidades, Bruno Araújo; Ricardo Toledo Silva, secretário adjunto de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo; Jerson Kelman, Presidente da Sabesp; Paulo Massato, Diretor Metropolitano da Sabesp; Mounir Chaowiche, presidente da Sanepar; presidentes de Seções Estaduais da ABES, coordenadores de Câmaras Temáticas e Técnicas da Associação, representantes de diversas entidades do saneamento, associados, funcionários e colaboradores, além dos integrantes da nova Diretoria (veja os nomes abaixo).

 

Em seu discurso de posse, o Presidente Nacional da ABES, Roberval Tavares de Souza, fez um panorama do saneamento no país e ressaltou os desafios do setor e da entidade. “As políticas públicas e entidades como a ABES têm que incentivar a melhoria da gestão para que o setor seja mais eficiente, fazendo com que os esforços sejam assertivos e os resultados ganhem maior amplitude…. Teremos nos próximos dois anos um grande desafio, o desafio de contribuir para a melhoria da qualidade de vida e do meio ambiente do nosso país, que é gigante pela própria natureza.” (leia a íntegra do discurso aqui).

 

Dante Ragazzi Pauli, que concluiu sua segunda gestão à frente da entidade, ressaltou os avanços dos últimos anos. “A ABES tem se posicionado e vem conquistando o respeito de nossa sociedade. Meu abraço aos colegas eleitos para a Nova diretoria e aos Dadois candidatos do processo eleitoral, Roberval Tavares de Souza, eleito, e Américo Sampaio. Espero que possamos trabalhar de forma unida para o desenvolvimento do setor. Desejo então aos colegas eleitos, comandados pelo amigo Roberval Tavares de Souza, que tem total capacidade e competência para tocar a ABES, que deem continuidade às nossas ações e encontrem a melhor forma de fortalecer ainda mais a nossa ABES. Aliás, contem comigo para isso. Agradeço a ABES pela oportunidade que me deu de presidir e participar mais de perto dessa entidade, que fez exatos 50 anos em 2016, e isso é motivo de orgulho. A ABES mudou minha vida. Saio fortalecido pessoal e profissionalmente. Ao Roberval, uma ótima gestão. Parabéns à diretoria eleita.”

 

O Secretário Nacional de Saneamento, Alceu Segamarchi, parabenizou Dante e Roberval e ressaltou o papel da ABES no desenvolvimento do setor. “Queria fazer um pedido: que a ABES continue sendo a parceria que tem sido principalmente nesses primeiros meses desse governo. Nesses dois meses, a primeira reunião que fiz com público externo foi justamente com a ABES, capitaneando reunião com todas essas associações ligadas ao saneamento no Brasil: Assemae, AESBE, Abcom, Abimaq e outras, e depois disso essa reunião já se desdobrou e já tivemos outro encontro um pouco mais técnico. Essas associações capitaneadas pela ABES, na pessoa do Dante, propuseram nos ajudar na construção de uma nova política de saneamento para o Brasil, naquilo que se refere ao Governo Federal. Prontamente aceitamos, estamos dispostos a ouvir, a colaborar. Quero desejar que o Roberval seja tão exitoso como foi o Dante à frente da ABES.”

 

Representando as empresas de saneamento, o presidente da Sabesp, Jerson Kelman, cumprimentou Dante e Roberval, não só pela atuação na ABES como também na Sabesp. E ressaltou o trabalho da entidade em prol do setor: “Queria destacar a vinculação da ABES ao tema da regulação. É algo muito importante para o setor de saneamento. Faço uma saudação especial ao Roberval, que assume a direção da ABES. Muito do que aprendi de inovação, de pensar diferente o saneamento, de trazer contratos de performance e situações bem sucedidas vieram da sua unidade (Sul). A ABES estará muito bem servida sob sua liderança e colegas de direção.”

 

Sugeriu ainda que a ABES englobe dois temas em sua atuação. O primeiro, referindo-se à atual relação do meio ambiente e do Ministério Público. “Toda a legislação ambiental foi concebida para resistir às ações de empresas privadas, que buscando interesse privado causam um problema coletivo. Por exemplo: uma fábrica de química que se instala na beira do rio e joga lixo nesse rio está defendendo os direitos dos acionistas. Esse arcabouço conceitual tem sido aplicado a nós do setor de saneamento de forma equivocada, porque não somos produtores de poluição, somos parte da solução. E essa percepção de que, na realidade, somos parte da solução, e de que a Lei 11.445 reconhece que o processo de implantação do saneamento se dá por etapas acaba passando despercebido por aqueles que se limitam à questão ambiental. Então, temos buscado isso como um trabalho da ABES para trazer maior conhecimento sobre esses aspectos, para a sociedade geral e para os operadores do meio ambiente. O segundo tema é a questão do SNIS. Houve um grande avanço no Sistema de Informações, que reúne dados e estatísticas sobre situação dos vários prestadores de serviços de saneamento e empresas no país, mas ele necessita passar quais são esses índices. E é aí que a ABES, metodologicamente, poderia entrar na discussão e avançar em termos de auditorias. Na minha concepção, esses índices não devem ser apenas autodeclaratórios, mas devem passar por auditoria.”

 

O deputado federal, João Paulo Papa, enviou um ofício cumprimentando o novo presidente nacional da ABES.

 

Nova diretoria

 

Presidente: Roberval Tavares de Souza

 

Vice-Presidente: Carlos Alberto Rosito

 

1º Secretário Sergio Antonio Gonçalves

 

2º Secretário Álvaro José Menezes da Costa

 

1º Tesoureiro Joper Padrão do Espírito Santo

 

2º Tesoureiro Maria Lucia Coelho Silva

 

Diretoria Nordeste Francisco Vieira Paiva

 

Diretoria Centro-Oeste Mario Cezar Guerino

 

Diretoria Sudeste Ronaldo Resende Pereira

 

Diretoria Sul Sergio Roberto Bahls

 

Diretoria Norte Vera Maria Nobre Braz

 

Conselho Fiscal

 

Efetivos Elis Regina Jesus (SP) | Kasuyoshi Carlos Massuyama (SP) | Maura Francisca da Silva (GO)

 

Suplentes Claudia Coutinho Nóbrega (PB) | Jose Eduardo Gobbi (SP) | Marcos Rocha Vianna (MG).

 

Conselho Diretor

 

Acylino José dos Santos Neto (DF) | Alceu de Castro Galvão Junior (CE) | Anna Virginia Muniz Machado (RJ) | Asher Kiperstok First (BA) | Carlos Eduardo Carrela (SP) | Carlos Roberto Soares Mingione (SP) | Edmilson Fonseca (PB) | Edson Melo Filizzola (GO) | Emerson José dos Santos (SP) | Fernando Antonio Jardim (MG) | Francisco Humberto Rodrigues da Cunha (GO) | Iara Regina Soares Chao (SP) | Isabel Cristina Pereira Alves (SE) | Ivanildo de Araujo Calheiros (SP) | Jose Antonio da Cunha Melo (MG) | Karine Diniz Soares (MG) | Liliana Pena Naval (TO) | Lúcia Helena Santos Pinheiro (GO) | Luiz Henrique Cappellano (SP) | Marcelo Kenji Miki (SP) | Maria Cristina Alves Cabral Schembri (MG) | Maria Valéria Gaspar de Queiroz Ferreira (BA) | Mario Alba Braghiroli (SP) | Miguel Mansur Aisse (PR) | Nercy Donini Bonato (SP) | Pierre Ribeiro de Siqueira (SP) | Reynaldo Eduardo Young Ribeiro (SP) | Roque Passos Piveli (SP) | Tarcísio Luís Nagatani (SP) | Wanderley da Silva Paganini (SP).

 

01-08-2016