‘Trabalho árduo’ No Porto do Engenho, localidade próxima à ponte sobre o Rio Paraopeba, na divisa de Betim e São Joaquim de Bicas, o lavrador Luiz Virgínio Pinto, de 65 anos, tenta retomar a rotina. A água tomou conta da casa onde ele vive com a f

Nova York, EUA. O Brasil está buscando maior diálogo sobre o desenvolvimento sustentável, tema principal do encontro Rio+20, que será realizado pela Organização das Nações Unidas (ONU), entre 20 e 22 de junho, no Rio de Janeiro.


A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, se reuniu anteontem com a secretária americana de Defesa do Meio Ambiente, Lisa Jackson, em Nova York. Ambas participaram de um debate sobre a Cúpula Rio+20.


"A Cúpula tem um processo preparatório que está ocorrendo. Vamos começar a fase de negociações", disse Izabella Teixeira, depois que um rascunho da ONU foi apresentado com sugestões enviadas por países e instituições.


O "Draft Zero" (Rascunho Zero) levanta os três pilares do desenvolvimento sustentável (econômico, social e ambiental) e convoca países a criar soluções para erradicar a pobreza, reduzir o impacto na biodiversidade e resolver questões diplomáticas como a criação de uma "agência ambiental", sediada no Quênia.