Programa Ambientação recebe prêmio Hugo Werneck

O programa Ambientação, desenvolvido pela Fundação Estadual do Meio Ambiente (Feam) em parceria com a Oscip Ambiente Brasil, foi o vencedor na categoria Educação Ambiental do Prêmio Hugo Werneck de Sustentabilidade & Amor à Natureza. O prêmio, entregue ontem (30-11) no Auditório JK da Cidade Administrativa, é uma iniciativa do Grupo Ecológico, por meio da Revista Ecológico - publicação voltada para a questão socioambiental - e das redes sociais Ecológico OnLine e Movimento SouEcologico.com.

"O Programa AmbientAÇÃO estimula a reflexão individual de ações, posturas e atitudes que interferem de forma negativa no meio ambiente, incentivando, assim, a mudança de comportamentos em busca de uma sociedade sustentável", define o secretário de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Adriano Magalhães.

A coordenadora da Comissão Gestora Ambientação da Feam, Mirian Cristina Dias Baggio, ressalta que "o prêmio é o reconhecimento de um trabalho importante que envolve uma equipe composta pela comissão gestora do programa, os coordenadores e multiplicadores onde o programa está implantado e a Oscip Ambiente Brasil". Mirian destaca, ainda, que este prêmio é especial. "O Hugo Werneck, que dá nome à premiação, era uma pessoa que acreditava na Educação Ambiental como instrumento de mudança, assim como nós acreditamos, sendo uma honra o agraciamento com o troféu", disse.

A honraria tem a participação institucional do Governo de Minas, via órgãos que compõem o Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Feam, IEF e Igam), vinculados à Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad); a parceria da Fiemg, por meio do Programa Minas Sustentável; a supervisão técnica da Fundação Dom Cabral (FDC); a legitimação do Centro Hugo Werneck de Proteção à Natureza e o apoio da Associação Mineira de Defesa do Ambiente (Amda). Os nomes dos vencedores foram conhecidos na cerimônia de premiação, que foi realizada na Cidade Administrativa de Minas, no auditório Juscelino Kubitschek.

Números do programa Ambientação

De janeiro a setembro de 2011, apenas na Cidade Administrativa, foram encaminhados para a reciclagem 194.882 quilos de resíduos (ou 48% do total de resíduos gerados) por meio de doação a quatro organizações de catadores:

- Associação dos Catadores de Papel e Papelão e Materiais Reaproveitáveis - ASMARE

- Associação Mineira de Reciclagem - ASMIR

- Associação de Trabalhadores em Materiais Recicláveis da Pampulha - ASTEMARP

- Associação de Recicladores e Grupo Produtivo da Vila Esportiva e Região - COOPERVESP

 Pessoas beneficiadas pelo recolhimento de resíduos na CAMG

Associação

Associados

Total de pessoas nas famílias

ASMARE

200

1.000

ASMIR

6

28

COOPERVESP

16

32

ASTEMARP

15

80

Total

237

1.140

 

 

Além dos benefícios ambientais da reciclagem, ressalta-se também o aspecto social, com a inclusão de catadores e a geração de trabalho e renda. No período avaliado estima-se geração de cerca de R$40.000,00 com a venda desses resíduos para a reciclagem.