Baía de Guanabara saneada

Washington - O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) anunciou ontem um empréstimo de US$ 452 milhões para o saneamento da Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro, um dos pontos turísticos mais visitados do Brasil. "Os recursos permitirão que o governo estadual do Rio de Janeiro avance na implementação do Programa de Saneamento Ambiental dos Municípios da Baía de Guanabara, uma região que abriga mais de 10 milhões de pessoas", disse o texto.

Um total de 1,6 milhão de pessoas devem ser beneficiadas por esse programa de saneamento, aprovado pelas autoridades brasileiras em abril. Além de instalar coletores de água e sistemas de depuração, os investimentos serão destinados a melhorar os serviços públicos e a promover políticas de saneamento sustentável, informou o BID.

"O estado do Rio de Janeiro já havia se comprometido com o Comitê Olímpico Internacional (IOC) a investir na recuperação ambiental da Baía de Guanabara quando a capital, Rio de Janeiro, foi eleita sede dos Jogos Olímpicos de 2016", disse o texto.