Serviços de esgotos de Divinópolis será responsabilidade da Copasa

Os serviços de esgoto de Divinópolis passarão a ser responsabilidade da Copasa. O anúncio foi durante evento que contou com a presença do Presidente Ricardo Simões e do Prefeito Vladimir Azevedo além de representantes de diversas entidades, como a Arsae - Agência Reguladora de Água e Esgoto de Minas Gerais.

Ao transferir os serviços para a Copasa, Divinópolis está garantindo investimentos da ordem de R$ 220 milhões em saneamento. Desse montante, cerca de R$ 145 milhões serão destinados à implantação de um completo sistema de esgotamento sanitário, que inclui a construção de uma moderna Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), beneficiando uma população de aproximadamente 220 mil pessoas.

O restante dos recursos previstos para Divinópolis será aplicado em obras de ampliação e melhoria do sistema de abastecimento de água da cidade, com o objetivo de garantir água em quantidade e qualidade para a população nos próximos anos.

A Construção da ETE será fundamental para atender uma das principais cobranças da população de Divinópolis - a despoluição do rio Itapecerica. Atualmente, o rio, que percorre uma extensão de 29 quilômetros na cidade, recebe todo esgoto da cidade, sem nenhum tratamento. Ao assumir os serviços, a Copasa será responsável pela coleta e tratamento desse esgoto, antes de devolvê-lo aos cursos d'água, garantindo mais qualidade de vida para a população.

A recuperação do Rio Itapacerica e a melhoria das condições de infra-estrutura urbana e saneamento do município de Divinópolis faz parte do esforço do Governo de Minas em garantir a preservação do meio ambiente e o desenvolvimento sustentável da região, com grandes ganhos para a qualidade de vida.