Assembleia defende acesso à água e saneamento como direito humano fundamental

Estima-se que 80% das doenças humanas são relacionadas à água não-tratada, ao saneamento precário e à falta de higiene básica. A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirma que doenças transmitidas dessa forma provocam pelo menos 25 milhões de mortes a cada ano em países subdesenvolvidos, gerando custos altíssimos para a vida humana.

Declarar o acesso à água e ao saneamento como um direito humano foi um passo fundamental da Organização das Nações Unidas (ONU) nos esforços para tornar disponível esse elemento vital para toda a população mundial. A resolução foi aprovada em Assembleia em julho passado, por 122 Estados-membros, com 41 abstenções e nenhum voto contra.

Para o governo brasileiro, a falta de saneamento ainda é um desafio a ser vencido no avanço dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio no país. Dados do IBGE revelam que, em algumas cidades, até 98% da população não têm o serviço.

A defesa do acesso à água e ao saneamento é tema da mesa-redonda internacional "A defesa da água como direito fundamental e patrimônio público da humanidade" entre representantes da Organização da Nações Unidas e universidades e entidades internacionais, que será realizada durante a Assembleia da Associação Nacional dos Serviços Municipais de Saneamento - ASSEMAE. A instituição foi premiada com o Pergaminho de Honra do Programa das Nações Unidas - UN-Habitat, em 2003. O evento será realizado em Campinas, no Espaço de Eventos Iguatemi, no período de 22 a 27 de maio.

Mesa Redonda Internacional: "A defesa da água como direito fundamental e patrimônio público da humanidade"

Coordenador: Antônio Costa Miranda Neto - consultor da ONU

Expositores:
Adriana Marquisio - Representante da Comissão Nacional de Defesa da Água e da Vida - CNDAV, do Uruguai
Laura Soriano Guimera - Barcelona/Espanha
Cláudio Alves Furtado - Professor Associado da Universidade do Cabo Verde - Uni-CV, e coordenador do PIC-Bélgica
Lauro Péricles Gonçalves - Presidente da SANASA Campinas-SP

Data: Segunda-feira, 23 de maio
Horário: 14h às 16h30
Local: Sala 06 - Espaço de Eventos Iguatemi, Campinas-SP