Ibama doa madeira apreendida em Sinop

A Gerência Executiva do Ibama em Sinop/MT procedeu à doação de madeira apreendida em desmatamento ilegal na região de Cláudia/MT, constatada no decorrer da operação Disparada.

Segundo o gerente-executivo, Mathias Krause, a madeira in natura, com volumetria de 468,735 m³, encontrava-se pronta para retirada em esplanadas de uma grande propriedade rural no município de Cláudia.

Após a autuação, a madeira foi doada sumariamente em função do grande risco de perecimento do produto, seguindo-se o que determina a legislação pertinente, a duas secretarias municipais de Sinop.

Nesta quarta feira (13), foi efetivada a doação da madeira apreendida à Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte Urbano, representada pelo secretário Júlio César Timóteo Dias, que solicitara doação de madeira em 2009 para construção de abrigos para passageiros de ônibus na área urbana, e à Secretaria de Educação, representada pelo administrador Itamar José Martins, que, em 2010, solicitara doação de madeira ao Ibama para construção de quiosques nas escolas do município, no âmbito do programa federal Mais Educação.

Segundo Mathias Krause, esta é uma prática que deve ser implementada visando à rápida doação de madeiras apreendidas, evitando-se assim o desvio da mesma ou seu perecimento frente às intempéries, servindo à coletividade - inclusive, como instrumento de educação ambiental.